Torre de Babel

14 julho 2009

" (...) A certa altura, o cérebro do tradutor automatiza-se. Na sua cabeça, cada palavra inglesa não corresponde a uma palavra em Português, mas a todo um conjunto semântico. Não é um dicionário Inglês – Português, nem é um dicionário de sinónimos; é uma torre de Babel de palavras, um puzzle com milhões de peças, que instintivamente se encaixam, sem que saibamos qual o milagre que tão depressa faz surgir a solução para a palavra que entrou pelos nossos olhos na ponta dos nossos dedos. (...)"

3 comentários:

wiccaa disse...

mas olha que eu não te quero automatizada como uma máquina, adoro o teu coraçãozinho, toma bem conta dele

Paula disse...

Olá, estou passando para dizer que tem o prémio Master Blog para si no ...viajar pela leitura...
Abraços

Migalhas disse...

Wiccaa,
O cérebro automatiza-se e o coração serve de contraponto. Imagina a guerra que cá vai dentro de vez em quando ;D

Paula,
Obrigada pela lembrança e carinho.
Beijinhos

Enviar um comentário

Blog contents © BiblioMigalhas 2010. Blogger Theme by Nymphont.