A Vida Na Porta do Frigorífico, Alice Kuipers

25 julho 2010

Editora: Presença
Páginas: 240
Categoria: Romance

"Claire e a sua mãe vivem na mesma casa, mas, para todos os efeitos, é como se vivessem em planetas diferentes. As duas raramente se cruzam, e a porta do frigorífico acaba por se tornar a plataforma de contacto onde deixam recados uma à outra e se vão mantendo informadas acerca dos acontecimentos das suas vidas. Mas um dia Claire depara-se com um recado diferente do habitual, e a partir daí terá de lutar contra a distância que as separa e contra o tempo que se esgota… A Vida na Porta do Frigorífico é uma narrativa que mergulha no íntimo de uma relação entre mãe e filha e os sentimentos de apego, culpa, ressentimento e frustração que a convulsionam. Uma mensagem universal sobre o amor e a perda num romance de estreia comovente, que se lê de um fôlego."

Um livro que me passou completamente ao lado quando foi lançado e que mais tarde se veio a cruzar no meu caminho na altura certa.

A autora é genial e só com uns recadinhos (quase telegráficos) por página consegue contar-nos uma história intensa e comovente, que nos faz oscilar entre o sorriso e a lágrima de frustração e de solidariedade para com mãe e filha, personagens centrais desta história verdadeiramente humana e talvez mais realista do que imaginamos.

Um livro que me impressionou pela mestria e simplicidade da escrita e pela história em si. Deixou marcas e é um livro que dificilmente esquecerei.

6 comentários:

livrólico disse...

Este livro é, sem dúvida, intenso e comovente. As palavras são poucas, mas dizem muito que nos faz derramar lágrimas.
Um abraço forte.

Ana C. Nunes disse...

Não podia concordar mais com a tua opinião.
É um pequeno livro que consegue fazer sentir o leitor.

Sofia disse...

Está na minha grande lista para ler. Mas a tua opinião veio reforçar a minha vontade de pegar nele!
Obrigada!
Bjs,

Sofia

Lígia disse...

Obrigada pelas visitas!

Livrólico,
Li-o influenciada pela tua opinião e que boa influência foi... Fico-te muito grata por me teres "empurrado" para esta preciosidade :)

Ana C. Nunes
É verdade e já não é a primeira vez que me deparo com os chamados "livrinhos pequenos" que são gigantescos em termos de conteúdo ;)

Sofia,
Lê, lê e depois quero saber a tua opinião também ;)

Lígia disse...

Obrigada pelas visitas!

Livrólico,
Li-o influenciada pela tua opinião e que boa influência foi... Fico-te muito grata por me teres "empurrado" para esta preciosidade :)

Ana C. Nunes
É verdade e já não é a primeira vez que me deparo com os chamados "livrinhos pequenos" que são gigantescos em termos de conteúdo ;)

Sofia,
Lê, lê e depois quero saber a tua opinião também ;)

Liliana disse...

hum... fiquei muito curiosa!!

Enviar um comentário

Blog contents © BiblioMigalhas 2010. Blogger Theme by Nymphont.